segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

OLX - os sites de classificados


Já faz uns anos que fui espreitar, pela primeira vez, um desses sites de classificados na internet que permitem a uma pessoa vender ou comprar algo. Na altura coloquei uns vinis à venda no site OLX e Custo Justo, só para perceber como aquilo funciona. Recebi contactos de algumas pessoas, alguns até anos mais tarde. Mas venda em si, isso nunca aconteceu. E não mais me lembrei da existência dos mesmos. 

Não sei porquê, talvez devido à constante publicidade na TV e devido à proximidade da quadra natalícia, há um mês fui espreitar e logo à primeira tentativa vi algo que me agradou muito, a um preço agradável. Contactei o anunciante e comprei o produto. Primeira compra online!!

Não tinha intenções de comprar nada, no máximo queria vender, mas a verdade é que pechinchas, que é o que toda a gente quer, às vezes, ainda se encontram. Mas deixem-me dizer que é mesmo uma raridade

Serviços de chá em porcelana, incompletos: desde 25€ a 200€
Buscas posteriores nos sites devolveram resultados muito pouco animadores. O que mais há são velharias que estão bem é para a lixeira, mas pelas quais os anunciantes só por as saberem velhas pensam que as mesmas têm um exagerado valor. Também surgem produtos muito comuns e até fáceis de encontrar no circuito comercial, como bicicletas, canecas e canetas, a preços de... loja. Por alguns artigos pouco interessantes o valor cobrado é obviamente exagerado, o que revela a falta de noção e a ânsia exacerbada por dinheiro. Existem valores que até uma loja de antiguidades teria alguma cara-de-pau em cobrar. O artigo até pode ter valor mas não justifica o elevado investimento. E também existe o LOGRO. Objectos que não são o que parecem e não valem ou não são o que dizem ser. E coisas novas, manuais, como as pinturas em tela ou a pintura de caixas de madeira, frutos dos hobbys de alguém dado às artes decorativas...

Ali encontra-se de tudo. Para quem gosta, vale a pena. Mas cada vez mais é para quem pode. Aqueles que, após lerem este post ficarem com vontade de recorrer a estes sites de classificados grátis para vender algo que tem em casa e já não precisa, tenham em mente que as pessoas querem é pechinchas. É isso que procuram: uma boa compra. Se querem vender aquele par de sapatos por 20€... esqueçam. Não importa se custou 200€ e se só usou uma vez. Mas tentar a sorte não custa. 

Teria dado jeito ter lembrado desta hipótese há uns anos, quando uma série de objectos e peças de mobiliário de família precisaram de encontrar um novo dono. Quem sabe teriam encontrado quem realmente as estimasse. Algumas encontraram foi o caixote da rua e, estranhamente, uma dessas foi parar à montra de uma loja de antiguidades...


4 comentários:

  1. R: São opiniões :) eu cá gostava de ter uma parede em betão!!! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem... um gajo da mafia pode te arranjar isso!!

      Eliminar
    2. Bem... um mafioso pode te arranjar isso!!

      Eliminar
  2. R: fenomenal :) está mesmo fixe...eu passava aí uma noitinha bem acompanhada xD hahahaha

    ResponderEliminar

Partilhe as suas experiências e sinta-se aliviado!